Onde conseguir PrEP (profilaxia pré-exposição) para HIV?

Ânjas, antes de tudo, pensem comigo: PrEP é muito eficaz na prevenção do HIV sim, mas não é pra ser utilizada sozinha e não é para todo mundo. Como nada na vida é.


A PrEP (profilaxia pré-exposição para o HIV) consiste na tomada de um comprimido diário de tenofovir + emtricitabina (medicamentos também utilizados no tratamento de pessoas vivendo com HIV) para a prevenção desta infecção.


Ela pode ser obtida nos centros de referência em tratamento para HIV/AIDS, hepatites virais e IST’s do país. No Brasil ela ainda está concentrada nas capitais e maiores cidades. Só São Paulo concentra 40% da PrEP no país. É uma política ainda em implementação, por isso a grande importância do nosso voto se quisermos que ela se consolide.


O site http://www.aids.gov.br/pt-br/faq/onde-posso-encontrar-prep

mostra certinho onde encontrar a PrEP na cidade mais próxima à sua. Se não tiver na sua cidade, não se apavore.

Atualmente já é possível conseguir PrEP pelo sistema privado, após se consultar com um médico infectologista. O tratamento mensal gira em torno de 250 a 300 reais. Sim, está fora da realidade de muita gente. Mas é o primeiro passo. O médico vai te avaliar, dar a receita e você compra na farmácia ou pelo telefone.


É só chegar falando ‘Eu quero PrEP’ e pronto? Não. Como eu disse, PrEP não é pra todo mundo. Você será submetido a uma entrevista para avaliar suas práticas sexuais e verificar se você tem mesmo indicação de uso desta tecnologia.


Os quatro grupos prioritários são:


1) Gays e outros homens que fazem sexo com homens (HSH) que tiveram ISTs ou usaram PEP de repetição nos últimos meses. Ou seja, fizeram sexo anal desprotegido.

2) Trabalhadores e trabalhadoras do sexo

3) Mulheres trans e travestis

4) Casais sorodiferentes (um vive com HIV, o outro não). Principalmente quando ainda não está indetectável e, por consequência, intransmissível.

SEMPRE faça acompanhamento médico. Já vi gente com lesão no rim, já vi gente tomando errado, porque simplesmente achou que PrEP não era remédio. É sim. É segura mas apenas se existir acompanhamento. E não deixe de utilizar preservativo, gel e se testar para as demais IST´s, pois o problema não é apenas o HIV. A prevenção é sempre combinada.


#doutormaravilha #prephiv #hiv #aids #ondeencontrarprep #queroprep #saudelgbt #saudedamulher

1 Comment

  1. Rafa says: Responder

    Dr tudo bem? Iniciei a prep há 04 dias, fiz sexo anal receptivo com dois homens, sem ejaculação desprotegido. Sei que a prep só começa a fazer efeito após 7 dias. Tem necessidade de eu parar a prep e iniciar a pep?

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.