INIMIGO SILENCIOSO: já fez seu teste para hepatite C? Novo tratamento garante 95% de cura em apenas 3 meses. Por via oral!

  A hepatite C é uma doença infecciosa crônica que sempre desafiou a comunidade médica. Silenciosa, ele infecta milhões de pessoas no mundo, gerando complicações graves como o carcinoma hepatocelular (câncer de fígado) e a cirrose hepática.

 

hep c

  Causada pelo vírus da hepatite da C (HCV), ela é transmitida principalmente através do sangue (transfusões, uso de seringas compartilhadas, equipamentos de manicure, pedicure e barbeiro, usuários de piercings ou tatuagens, quem compartilha notas e canudos para utilizar drogas inálaveis), por via sexual e  vertical (de mãe para filho).

  Geralmente dois meses após infectada a pessoa já apresenta anticorpos detectáveis no sangue, o anti-HCV, e grande parte dos infectados, mesmo após 6 meses, não conseguiu eliminar o vírus completamente do organismo, caminhando da forma aguda para a crônica. É como se o vírus ficasse lá quietinho, gerando danos dia após dia de maneira silenciosa. A forma aguda da hepatite C é bem diferente das hepatite A e B pois os pacientes não ficam ictéricos (amarelados), com dor abdominal, vômitos, diarreia e febre, mas pelo contrário, estão geralmente assintomático, gerando atraso no diagnóstico.

  Quem recebeu transfusões antes de 1993 (quando não havia tanto controle nos bancos de sangue), usuários de drogas endovenosas, quem faz sexo desprotegido, portadores de outras causas de doenças do fígado (alcoolismo, hepatites autoimunes), quem já colocou piercing ou fez tatuagens, deve-se testar para hepatite C o mais rapidamente possível. Se o o resultado do exame vier positivo, deve-se dosar a carga do vírus (PCR de RNA do HCV) e verificar-se  se é mesmo uma infecção crônica (bem provável, já que 80% dos casos cronificam).

hepati C

A partir daí estuda-se o grau de acometimento do fígado (com ultrassom, exames de sangue e às vezes biópsia) e indica-se ou não o tratamento. Hoje em dia três novas drogas entraram para revolucionar o tratamento da hepatite C: o sofosbuvir, o daclastavir e o simeprevir, cuja combinações variam de acordo com o tipo de vírus, mas que garantem um índice de cura acima de 95% em 3 meses, com tratamento por via oral! É uma revolução. Antes o tratamento era através de comprimidos e injeções (ribavirina e interferon peguilado), repleto de efeitos colaterais, durava cerca de um ano e não era tão eficaz. Tudo melhorou.

hepatite C

  É interessante lembrar que até casos avançados de doença hepática, como os cirróticos, podem ser beneficiar do tratamento, melhorando o prognóstico da doença. Doutor Maravilha vai se dedicar bastante ao tema já que todo este avanço é recente e muitas pessoas podem se beneficiar. Faça seu teste rápido para hepatite C, assim como para sífilis (clique no link sobre a epidemia de sífilis aqui: http://bit.ly/1QN285b) e HIV (clique para saber mais sobre HIV aqui: http://bit.ly/1Rp9JtC). O resultado sai em cerca de 30 minutos e pode garantir uma vida plena e saudável.

  Primeira vez no Doutor Maravilha? Conheça mais minha proposta e mande suas dúvidas! (Confira motivos para conhecer o Doutor Maravilha aqui:  http://bit.ly/1UnXccQ).

Saúde e bem-estar de forma bem entendida.

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0

1 Comment

  1. Maurício says: Responder

    Vc já leu sobre um tratamento com limão 

Deixe uma resposta